13/06/2013
Seja o primeiro a comentar

Identifique os sinais do combustível adulterado

Bem Simples

 

Em situações de emergência, é muito comum abastecermos o carro em postos onde não conhecemos a procedência do combustível. Além disso, corremos o risco de colocarmos gasolina em um posto confiável e de carro ter uma série de "probleminhas" que antes não existiam. Por isso, aprenda como identificar os sinais quando o problema for combustível adulterado. 

Passos

1) Se, ao sair do posto que acabou de abastecer, o carro falhar ou demorar para pegar potência, isso pode ser um grande indício de que a gasolina é adulterada;
 
2) Quando o carro, sem nenhum motivo aparente, perder o rendimento e gastar mais combustível, a procedência da gasolina pode estar comprometida;
 
3) Caso comece a sair água pelo escapamento, mesmo depois que o carro está funcionando, pode ser um sinal de utilização de combustível "batizado"
 
4) Quando o cheiro de combustível for similar ao odor de acetona, ou ainda, se intensificar logo após o abastecimento, pode ser um sinal de adulteração do combustível;
 
5) Se o carro morrer ao diminuir a velocidade ou mesmo parar num semáforo pode ser um sinal de combustível ruim;
 
6) O surgimento de barulhos no motor, popularmente conhecidos como "pinos batendo" ou "embaralhamento", pode ser causado pela má qualidade do combustível;
 
7) Postos que oferecem um preço muito abaixo da concorrência, ou até mesmo promoções inesperadas podem estar "batizando" o combustível.
 
Importante
 
É muito raro uma pane no motor ser causada pelo consumo de combustíveis adulterados, porém eles ajudam e muito a danificar partes importantes do sistema. Procure abastecer de vez em quando com combustível aditivado que pode ajudar a prevenir alguns destes transtornos como sujeira nos bicos injetores e na bomba de gasolina.
Avalie esta matéria:     0

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Olá Convidado
publicidade
Facebook
Twitter