25/10/2013
Seja o primeiro a comentar

Como saber quanto juntar para a aposentadoria?

Infomoney

 

Planejar-se para a aposentadoria é, sem dúvida, algo que preocupa muitas pessoas. Uma das coisas mais importantes na hora de iniciar a preparação para vestir o pijama é definir uma meta: quanto juntar até a aposentadoria? Segundo a CFP, planejadora financeira certificada pelo IBCPF, Tatiana Engelmann não existe uma fórmula padrão na hora de estabelecer o objetivo de quanto juntar, mas é possível utilizar alguns parâmetros.

Renda

Um importante fator na hora de calcular o quanto juntar para a aposentadoria é com quanto a pessoa quer viver anualmente. Segundo a especialista Tatiana Engelmann, uma boa forma de estimar como manter o padrão de vida na aposentadoria é se preparar para viver com cerca de 70% a 80% da renda obtida anualmente quando se trabalha. “Quando a pessoa se aposenta, os custos costumam diminuir”, afirma.

Tempo

Outro fator citado pela planejadora financeira na hora de definir qual deverá ser o montante acumulado é o tempo. Em primeiro lugar, a pessoa deve definir com quantos anos quer se aposentar, pois, quanto mais tempo a pessoa trabalhar, menos dinheiro ela precisa juntar.

Além disso, é importante que, quem estiver se planejando para a aposentadoria se atente para outro aspecto relacionado ao tempo: expectativa de vida. “A expectativa de vida tende a aumentar no Brasil”, afirma Tatiana. Com maior acesso à saúde as pessoas tendem a viver mais e é importante que isso entre na conta na hora de decidir quanto guardar para a aposentadoria. “As pessoas não devem fazer um cálculo muito justo ou podem acabar sem dinheiro na aposentadoria”, ressalta.

Inflação

Prever como se comportará a inflação nos próximos 30 ou 40 anos é impossível. No entanto, esse aspecto também deve entrar na hora de calcular quanto acumular. Para Tatiana Englemann, uma boa forma de utilizar esse dado é corrigir os ganhos obtidos anualmente pela inflação e assim saber o quanto de poder de compra a pessoa ganhou ao longo do tempo.

Rentabilidade

Definir uma rentabilidade a ser perseguida ao longo dos anos também é importante, pois assim a pessoa que planeja se aposentar consegue definir um montante razoável com o qual deseja se aposentar. Na hora de escolher onde investir para se aposentar, não  existe também uma regra definida “Normalmente a recomendação é que quanto mais tempo a pessoa tem, mais arrojada pode ser sua carteira pois existe tempo para uma eventual recuperação, ou uma maturação do investimento”, explica a planejadora financeira.

Avalie esta matéria:     0

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Olá Convidado
publicidade
Facebook
Twitter