09/02/2013
Seja o primeiro a comentar

Centrais sindicais definem manifesto para a "Marcha a Brasília"

CTB

 

As centrais sindicais aprovaram nesta sexta-feira (08.02) um manifesto político que será apresentado durante a 7ª Marcha a Brasília, marcada para dia 6 de março na capital federal. Os dirigentes presentes na reunião, na sede da Foça Sindical, em São Paulo (SP), também aprovaram a pauta de reivindicação e os materiais de divulgação.

Em pauta na reunião preparatória da Marcha das Centrais Sindicais e movimentos sociais a redução da jornada de trabalho para 40h semanais; os 10% do PIB para a educação; a luta pelo fim do fator previdenciário; a reforma agrária e a luta pelo desenvolvimento com valorização do trabalho e distribuição de renda.

A pauta de reivindicações está sendo proposta com as mesmas bases da Agenda da Conferência Nacional da Classe Trabalhadora (Conclat), que ocorreu em 2010.

Estiveram presentes dirigentes da Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Força Sindical, Central Única de Trabalhadores (CUT), União Geral dos Trabalhadores (UGT), Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST) e Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB).

Entre os materiais aprovados estão um jornal e um cartaz. O texto do manifesto conjunto deverá ser divulgado em breve. As bandeiras aprovadas na reunião constarão do cartaz que será distribuído pelos sindicatos no Brasil inteiro. No cartaz sobre a “Marcha das centrais sindicais e movimentos sociais – Desenvolvimento, Cidadania e Valorização do Trabalho” são citadas as bandeiras de luta.

O manifesto e as bandeiras de luta deverão ser entregues para a presidenta Dilma Rousseff, na data da manifestação.

Avalie esta matéria:     0

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Olá Convidado
publicidade
Facebook
Twitter